Loading...

29 julho 2012

Mais um ano…

E hoje é dia de agradecer a Deus por tudo quanto ele tem feito em minha vida! Obrigado, Senhor, por mais um ano de cuidado e misercórdia!

Meu tributo

Como agradecer por tudo que fizeste a mim?
Não merecedor, mas provaste o Seu amor sem fim!
As vozes de um milhão de anjos
Não expressam a minha gratidão.
Tudo o que sou e o que almejo ser,
Eu devo tudo a Ti!

A Deus seja a glória, (3X)
Por tudo o que fez por mim.

Com Seu sangue lavou-me,
Seu poder levantou-me!
A Deus seja a glória,
Para sempre, amém.

Quero viver para Ti,
Tua vontade obedecer
E se o aplauso eu receber,
No calvário irei me gloriar

09 julho 2012

Obediência–by Dennis Downing

-----------------------------------------------------------------
J E S U S D I S S E
- http://www.hermeneutica.com -
------------------------------------------------------------------
Sábado, 7 de Julho, 2012

VERSÍCULO:
“Mas quem ouve estas minhas palavras e não as pratica é como um insensato que construiu a sua casa sobre a areia. Caiu a chuva,
transbordaram os rios, sopraram os ventos e deram contra aquela casa, e ela caiu. E foi grande a sua queda.” Quando Jesus acabou de dizer essas coisas, as multidões estavam maravilhadas com o seu ensino, porque ele as ensinava como quem tem autoridade, e não como os mestres da lei. -- Mateus 7:26-29

PENSAMENTO:
Qualquer Cristão, quer seja obreiro, líder ou não, pode ser enquadrado em Mat 7:26-27 se ele/ela for apenas ouvinte e não praticante das palavras de Jesus. Não é o conhecimento ou a compreensão, o ensino ou proclamação das palavras de Jesus que salva. É a obediência a elas. Obediência a Jesus salvará vidas
eternas. William Barclay contou a história de um navio da marinha britânica que rebocava outro navio maior, durante uma tempestade. O navio menor puxava o maior por meio de um enorme cabo de aço. De repente, no meio do vento e chuva, ouviu-se uma palavra só, gritada pelo comandante do navio de reboque. "Abaixem! Abaixem!" Num instante a tripulação se jogou no chão. Naquele momento o cabo de aço arrebentou e varreu o convés do navio como um enorme chicote. Qualquer homem atingindo pelo cabo teria morrido na hora. Mas, ninguém se feriu porque a tripulação inteira obedeceu o comando. Se alguém tivesse parado para discutir, ou perguntar porque, seria um homem morto. Obediência salva vidas. É por isso que Jesus nos chama a obedecer as suas palavras. Elas salvam vidas. Barclay concluiu que a obediência a Jesus “é a única fundação segura para uma vida; e ele promete que qualquer vida fundada em obediência a ele é segura, não importa as tempestades que venham.” Você está ouvindo as palavras do Comandante? Como vai a sua obediência?

ORAÇÃO:
Senhor amado, ajude-nos a sermos prudentes construtores. Que as nossas vidas sejam fundadas na fé em Cristo Jesus, mas, levantadas na obediência a ele em palavra, pensamento e ação. Agradecemos por Jesus que viveu tudo que ele ensinou. Em nome dEle oramos e agradecemos. Amém.
http://www.hermeneutica.com/jd/1/0707.html

04 julho 2012

Conversão

------------------------------------------------------------------
J E S U S D I S S E
- http://www.hermeneutica.com -
------------------------------------------------------------------
Quarta-feira, 4 de Julho, 2012

VERSÍCULO:
“Nem todo aquele que me diz: ‘Senhor, Senhor’, entrará no Reino dos céus, mas apenas aquele que faz a vontade de meu Pai que está nos céus.” -- Mateus 7:21

PENSAMENTO:
É fácil levantar a mão e declarar “estou arrependido”. É outra coisa se levantar da cama no dia seguinte e viver as próximas 24 horas de forma totalmente diferente que as últimas 24. É fácil “se converter”. É outra coisa permanecer. Nossa conversão é um momento. Nossa transformação em imitadores fiéis a Jesus é um processo. Leva tempo. Mas, tem que haver mudança. O que se diz tem que se traduzir no que se faz. Aquele que é um discípulo apenas da boca para fora não é um discípulo de Jesus. Pode ser um bom ator, mas não é um bom discípulo. Aqueles que proclamam Jesus como Senhor, mas não vivem sob o Seu senhorio não têm lugar no Reino dos céus. Não é o que professamos, mas o que praticamos que determinará onde passaremos a eternidade.

ORAÇÃO:
O Senhor é digno de louvor, não só dos nossos lábios, mas das
nossas vidas também. Ajude-nos, ó Deus, a vivermos vidas íntegras onde Jesus reina tanto em nossas vidas como em nossas palavras. Em nome de Jesus oramos. Amém.
http://www.hermeneutica.com/jd/1/0704.html