Loading...

26 julho 2010

As coisas que não são…

Pelo contrário, Deus escolheu as coisas loucas do mundo para confundir os sábios; e Deus escolheu as coisas fracas do mundo para confundir as fortes; e Deus escolheu as coisas ignóbeis do mundo, e as desprezadas, e as que não são, para reduzir a nada as que são; (1 Co 1.27,28)

Deus é um Deus que usa das coisas mais simples para mostrar a grandiosidade do seu poder. Ele não precisa que nenhum de nós seja grande, tenha recursos ou superpoderes para fazer o seu querer e a sua vontade. Quanto mais simples, quanto mais “sem”, para Ele é melhor, pois Ele pode operar fazendo com que apenas o seu nome seja engrandecido e exaltado.

Ele não precisou de grandes máquinas para abrir o Mar Vermelho. Ele disse a Moisés que apenas levantasse a sua vara e estendesse a mão sobre o mar.

Não precisou de uma sonda ou sabe-se lá o quê para abrir o Jordão diante dos filhos de Israel,  apenas mandou que os sacerdotes entrassem com a arca e ficassem no meio do rio.

Não precisou de um grande general, nem do exército da China, nem de aviões, tanques etc para destruir o exército dos midianitas que eram “como a areia da praia”, usou um camponês pobre e apenas 300 homens.

Havia muitos soldados no exército de Saul, mas ele trouxe um pastor de ovelhas, com uns 17 anos, mais ou menos, que nunca usou uma espada para derrotar um gigantes de 3 metros de altura e anos de experiência em guerras.

Como tantas moças para ocupar o lugar de Vasti, filhas de príncipes e de nobres, Ele usou uma moça orfã para livrar o seu povo Israel.

Deus usa coisas simples. Deus usa gente simples. Como eu, como você. Cabe a nós apenas decidirmos se queremos ser usados, se queremos mesmo reconhecer que não temos e que não somos para que Ele apareça em nós. Eu acho que essa é a pior parte: abrir mão do orgulho, mas como disse o apóstolo Paulo, é assim que Deus age para nenhuma carne se glorie diante dele.

Porque dEle, por Ele e para Ele são todas as coisas. Glória, pois, a Ele eternamente!

Um comentário:

Hermes C. Fernandes disse...

Parabéns pelo trabalho realizado neste espaço. Já estou seguindo!

Aproveito para lhe convidar a visitar meu blog pessoal, caso ainda não o conheça. E se desejar também segui-lo, será uma honra.

Seus comentários serão sempre bem-vindos lá.

www.hermesfernandes.blogspot.com

Te espero lá!